Anarchy Comics

Capa desenhada pelo Pontiac e colorida pelo Colwell
para o nº 3 publicado em 1981


Anarchy Comics foi uma série underground de quatro números publicados em 1978, 1979, 1981 e 1987 pela Last Gasp, editora sedeada em São Francisco.

Editados por Jay Kinney (nº 1-3) e Paul Mavrides (nº 4), cada número era composto por trabalhos de autores anarquistas, situacionistas ou “simpatizantes” – aqui ser simpatizante parece-me um contra-senso mas para já fica assim – provenientes de vários países e com estilos diversificados. Tudo numa estética punk DIY que mistura ficção, história, sátira, comentário e arte. 

Spain Rodriguez, Gilbert Shelton, Melinda Gebbie, Peter Pontiac, Guy Colwell ou Gary Panter foram alguns dos autores publicados.

Na introdução do nº 1 escrita pelo Kinney, que assino por baixo, pode ler-se o seguinte: 

All of the work in this issue has been inspired by - or based on - anarchist ideas and history. As it becomes increasingly clear that the real 'terrorists' are not a few isolated leftists but are the governments and corporations of this world who hold us hostage with their armaments, militaries & intelligence activities, anarchism becomes more & more relevant! 


Todos os quatro números encontram-se aqui para leitura em formato pdf.

Jay Kinney - Nº 1 - 1978
Ruby Ray - nº 2 - 1979
Paul Mavrides - Nº 4 - 1987





















Michel Vaillant - O Piloto Sem Rosto


Michel Vaillant - O Piloto Sem Rosto 

Colecção Michel Vaillant - 3º vol.

Argumento e Desenho: Jean Graton

62 pág., cor, brochado, €5,95

Asa/Público, 16 Abril 2014

 

Publicado originalmente em: 

Tintin nº 539 (19/02/1959) ao nº 569 (17/09/1959); Michel Vaillant - Le pilote sans visage (Lombard, 1960)

Em Portugal: Cavaleiro Andante nº 418 02-01-1960 ao nº 462 - 05-11-1960 (ENP - Empresa Nacional de Publicidade) 

 

Eis o 3º volume desta colecção distribuída com o jornal Público, que na série de álbuns de Michel Vaillant corresponde ao 2º volume, depois de O grande desafio (Le grand défi, 1958; Álbum Auto Sport, 2005).

 

Aqui as 62 páginas de história permitiam desenvolver mais a narrativa que já continha os ingredientes que irão tornar-se a imagem de marca da série: um piloto misterioso com um automóvel potente, uma situação enigmática e as disputas entre Vaillant e os seus rivais em emocionantes corridas descritas ao pormenor por Jean Graton.

 



Nesta aventura Michel Vaillant prepara-se para competir no Grande Prémio de Fórmula 1 do Mónaco, pilotando um Vaillante especialmente preparado para o efeito. Entretanto, um misterioso carro negro é visto a treinar no circuito de Francorchamps, na Bélgica, e mais tarde no circuito de Rouen-les-Essarts, em França. A imprensa da especialidade noticia o sucedido, destacando os tempos recorde obtidos pelo piloto e o facto de nunca ninguém ter visto o seu rosto. O Piloto sem Rosto torna-se uma lenda, até que se apresenta para competir no Grande Prémio do Mónaco…

 

Álbum

Lombard, 1960

Tintin nº 539 (19/02/1959)

Tintin557 (25/06/1959)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Em Portugal, quando foi publicado no Cavaleiro Andente nos anos de 1960, Michel Vaillant passou a ser "...o nosso Miguel Gusmão..."

 

Concurso Toma lá 500 paus e faz uma BD! - 2ª Edição

 
Depois do sucesso da primeira edição, a Associação Chili ComCarne (CCC para os amigos e inimigos) decidiu avançar com a nova edição do concurso interno Toma lá 500 paus e faz uma BD! cujos objectivos principais mantêm-se os mesmos: descobrir e divulgar novos autores através da edição do trabalho vencedor e recompensar financeiramente, com €500,00, esse trabalho criativo.

O vencedor é ainda convidado a fazer o cartaz e a integrar o júri da próxima edição, e isso foi o que aconteceu ao Francisco Sousa Lobo, vencedor da 1º edição com o seu genial The Dying Draughtsman / O Desenhador Defunto. 

Regras desta edição: 

Este grande concurso destina-se unicamente a sócios da CCC com as quotas em dia (Não é sócio? Então é clicar aqui).

O Júri é composto por uma parte da actual Direcção da CCC além do já referido vencedor da edição passada, a saber: Francisco Sousa Lobo, JoanaPires (designer da MMMNNNRRRG e da colecção LowCCCost), Marcos Farrajota (Presidente da Associação, autor e editor), Margarida Borges (membro da Direcção e designer) e Rafael Dionísio (escritor). O Júri reserva-se o direito de não atribuir o prémio caso não encontre qualidade nos trabalhos propostos. 

Datas: 
20 de Julho é a entrega dos projectos! 
27 de Julho é anunciado o vencedor!
O livro é publicado em 2015! 

Regras de apresentação dos trabalhos: 

O livro não tem limite de páginas e de formato mas como é suposto inseri-lo nas colecções já existentes - Colecção CCC, QCDA, LowCCCost (de viagens), THISCOvery CCChannel (de ensaio, embora ainda não tenham editado nada em BD nesta colecção), etc... o projecto terá mais hipóteses de ganhar se for apresentado no formato dessas colecções.

Prefere-se o preto e branco mas a cor não está totalmente afastada!

Envio do seguinte material:
a) texto de apresentação do(s) autor(es)
b) sinopse do projecto
c) planeamento por fases (com datas)
d) envio de 20% do total da BD, sendo que o mínimo serão 4 páginas seguidas acabadas e 16 planeadas.

Todos estes elementos devem ser entregues em PDF, em serviço de descarga em linha (sendspace, wetransfer,...) cujo endereço deve ser enviado para o e-mail ccc@chilicomcarne.com 

Que projecto afinal pode ser apresentado? 
Uma BD longa de um autor ou com parceiros;
Um livro com várias BDs do mesmo autor (desde que tenham uma ligação estética ou de conteúdo);
Uma antologia de vários autores com um tema comum; 

Boa sorte! 
Este projecto têm o apoio do IPDJ e da Trem Azul